SEJA BEM VINDO

A vida já é um presente, por isso viva e aprenda.

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Um novo ano: 2011

As páginas feitas ao decorrer de um ano, são das mais variadas situações. Um novo ano que chega é a oportunidade para buscar cada vez mais sonhos que ficaram guardados.

Pra vocês, a música que faz refletir um pouco sobre a vida.
Epitáfio - Titãs.





Agora  leia esse texto e reflita sobre o que você fez durante mais um ano e o que pode fazer para que  2011   seja diferente.


Então, as reflexões


Novos passos foram dados
Quantas emoções vividas
Quantas oportunidades perdidas
Quantos momentos divididos
Quantas pessoas esquecidas.

Mais uma etapa, mais um ano
A flor que enfeitava o jardim
Perdeu a beleza aos poucos
Uma nova flor está pronta para continuar
E você esta pronto para novos sonhos realizar.


Foram algumas lágrimas
Foram alguns sorrisos
Foram preocupações
Foram realizações
E o sol de novos dias
Anuncia emoções.


Você conquistou
Fez alguém feliz
Você errou
Mas viu que era aprendiz.


Acreditou nas possibilidades
Seguiu em frente contra tudo e todos
Seguiu sua intuição
Se fracassou, não fique triste
Nada foi em vão.


Alguns te fizeram sofrer
Mesmo assim você lutou
E quando venceu
Muita gente não acreditou.

 
Reencontrou velhos amores
Reacendeu  a chama
Alguém lhe esqueceu
E viveu um drama.


Reuniu grandes amigos
E reviveu toda aquela alegria
Alguns fugiram do seu mundo
Talvez foi a correria do dia a dia.


Aprendeu bastante
Fez descobertas incriveís
Tomou novos rumos
Não teve medo
Não deixou de buscar
Fez tudo mudar.


Você protagonizou
Preencheu a vida de coragem
Apostou em novos desafios
E fez uma nova imagem.


Você errou
Mentiu e enganou
Talvez não foi culpa sua
Alguém também lhe machucou.


Fez viagens pra longe e perto
Sorriu e vibrou
Viu correntes na estrada
E também se emocionou.


Resistiu o desejo
Seguiu o coração
Descobriu  anjos na terra
Viveu uma grande paixão.



Conseguiu algo que desejava
A vida te presenteou
Mudou a vida dos outros
Tudo pelo incondicional amor.


Fugiu da rotina de vez
Estudou exageradamente
Trabalhou horas e horas
Viu sorrisos de satisfação
Assistiu crianças chorando com a falta de um pão.


Traiu a confiança de alguns
Guardou segredos de outros
Lutou em busca da paz
Parou por algum tempo
O pouco lhe satisfaz.


Sentiu saudades
Alguns já partiram para um lugar distante
Outros estão perto, mas longe
Outros longe e tão perto
Você se sentiu no paraíso
E algumas vezes no deserto.


As marcas do tempo
As experiências vividas
Um ano partindo
O outro chegando.


É o momento de acreditar mais em sí
Guardar boas lembranças
Abraçar todas as pessoas
Fazer valer cada segundo
Rezar por este mundo.


Fazer as reflexões
Agradecer bastante
Por cada dia, por cada instante.


É hora de esperar o novo
Abrir os braços
Acreditar no futuro
Com a certeza de que a vida é feita:

PARA SONHAR E SER FELIZ!


Por:Francisco Sousa

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Hora de renascer ...




A esperança e a chama do amor se reacendem de forma espetacular.
É natal, nascimento do menino Jesus.
Áquele que veio ao mundo para mostrar o verdadeiro amor por nós.

 E onde estará o nosso amor por ele?

Ao longos dos anos o natal tem perdido o verdadeiro significado para algumas pessoas.
Isso porque o mundo capitalista e desigual que vivemos tem acendido a chama do consumismo,
do desrespeito e da falta de união.
Parece ser bem mais importante a roupa de grife do que o amor ao próximo.
Parece ser bem mais fácil ir á uma festa do que ir a missa.
Parece ser mais bacana trocar presentes caros do que doar alimentos a quem tanto precisa.

Enfim tudo parece ser bem mais fácil ...
O que parece dificíl  para alguns é entender o verdadeiro significado desta festa.

Uma festa onde as pessoas deviam abraçar uns aos outros, rezarem pela paz, encherem o peito de bondade.
Olharem para as doenças do mundo e criarem coragem para lutar .
Uma festa onde cada um deveria fazer suas reflexões sobre as coisas  que aconteceram ao longo do ano.
Uma festa para pensar no real  sentido da vida.
Momento exato para agradecer as conquistas e os aprendizados.
Momento para renascer em sí o espiríto de AMOR, PAZ, UNIÃO, FRATERNIDADE..

Momento de encher os olhos  e dizer  :

FELIZ NATAL!


Por:Francisco Sousa

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Acredite na luz



Não tenha medo, não desespere-se
Encontre  a força que precisa em Deus
Saiba que ele não te deixarás de maneira alguma
Pois  é um pai maravilhoso e jamais abandonara o seu filho.


Olhe para o ceú e acredite na luz
A mão do pai te guiará
E você vai ver o quanto ele te ama
Te ama de um jeito, que ninguém será capaz de amar.

Por mais erros que tenha cometido
E mesmo que tenha magoado outro filho que não merecia
O pai estará te ajudando
Basta que você tenha fé
Basta que acredite na palavra dele
Que confie plenamente nele.


Jamais pense que a vida é de sofrimento
A sua fé e  o seu amor  podem te levar há uma estação nova
Porque o que Deus mais quer é ver os filhos  dele com a felicidade no rosto.

Lembre-se : DEUS  TE AMA.


Por:Francisco Sousa

domingo, 19 de dezembro de 2010

Para pensar um pouco mais


Foto:Google Imagens

Talvez esteja agora  lamentando-se das pequenas bobagens da vida
Talvez tenha esquecido que a vida é  um caminho curto
Curto demais para você derramar lágrimas inconsoláveis por simples detalhes.

Agora é a hora de você vencer
Vencer todos os desafios contra você mesmo
E colocar no rosto o sorriso largo de quem faz da vida um picadeiro.

Talvez seja o momento para amar mais a sí mesmo
Talvez seja mesmo a hora de engrandecer sua alma
Olhar bem  para as coisas simples
Buscar a simplicidade no seu coração.

Olhar as estrelas e não se preocupar com a bobeira que é o mundo
O mundo triste de pessoas pequenas
Pequenas de espiríto e de valores
Que não descobrem o  real sentido de viver.


Talvez agora seja mesmo o momento de olhar o caminho de um jeito diferente
Aceitar mais as curvas, mas não esquecer das pedras e das quedas
Subir os degraus aos poucos e lamentar bem  menos os erros.

Chegou a hora de não se importar tanto para os que os outros pensam
Colocar os olhos diante da realidade, mas não continuar na dor
Falar firme e não ter  medo das reações.

Se importar com aqueles que precisam saciar a fome
E não com a roupa que custa quase seu salário
Se importar com o respeito aos idosos
E não com as rugas que te incomodam
Se importar com as crianças que estão na rua
E não com o carro que foi lançado agora.

Talvez seja a hora
De dar uma chance para nascer um novo sol
Encontrar os motivos certos para conhecer a vida
E não parar no tempo.

Chegou o momento de fazer escolhas sem medo das consequências
Abrir os olhos e aprender um pouco com os erros,  com as decepções
E não fugir com medo da trilha que você mesmo começou a percorrer ...



Por: Francisco Sousa

domingo, 12 de dezembro de 2010

Pedaços do sentimento


Pedaços de sonhos em cima da mesa
Palavras tristes nas nuvens
Caminhos  de solidão
Estações diferentes
Coisas jogadas no chão.


Verbos no pretérito imperfeito
Contos de imperfeição
 Revelações de um novo tempo
Coisas do coração.


Mudanças na maneira de ser
Causaram decepção
E aquele amor todo
Ficou na solidão.


O peito ficou  apertado
E  os olhos transpareceram a dor
O sinal do fim de tudo
De uma história que pouco durou.


Os papéis jogados no lixo
Eram as cartas com declarações
As provas dos sentimentos
Das grandes emoções.


As fotos separaram os dois
E a relidade também
Ele fez outro caminho
Ela encontrou outro alguém.


Seguiram em frente sem medo
Mas ainda afogam  saudade
Talvez se reencontrem
Para juntos buscarem a verdade.


A verdade que só os dois juntos
Um dia  conseguiram encontrar
Nas noites simples e nos gestos
Que um dia puderam compartilhar.


Por: Francisco Sousa

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

O sertão, o seu povo e sua emoção

Foto: Google imagens


Sertão de povo simples
De povo trabalhador
Que mesmo quando a seca castiga
Vai levando no peito  amor.

Gente de alma pura
De respeito e de verdade
Que segue a vida sem medo
 Suportando a saudade.

A saudade das boas chuvas
Dos filhos que vão embora
Das farinhadas e dos festejos
E assim o coração chora.

O sertão guarda riquezas
É a magia do seu povo
Que conta e inventas histórias
E viaja em um mundo novo.

Novo de esperança
Pra não guardar tanta dor
Esse é o povo do sertão
Esse é o povo vencedor.

Trabalha na roça todo dia
Faz a sua plantação
E festeja com alegria
Quando colhe o seu feijão.

A mulher cuida dos filhos
E também do seu bordado
E sonha a cada dia
Com  um futuro bem pintado.

 Os homens que são vaqueiros
 Cuidam da sua boiada
Em meio aos galhos secos
Sabem que a vida é aperreada.


Mas quando vem a chuva
Molhando todo o chão
Nasce logo uma esperança
E acelera o coração.

É a semente da alegria
Quando enche a lagoa
Pra encher todos os potes
E beber água tão boa.

Os passarinhos até cantam
E aparecem belas flores
No meio dos galhos secos
Estampam novas cores.

O mandacarú está florido
E  logo vem a farinhada
Pra fazer muita farinha
E arrumar uma namorada.

Os festejos se aproximam
E todos com sua devoção
Agradecem aos  santos
Com tamanha satisfação.

É assim o sertão
Cheio de muita alegria
Desse povo acolhedor
Que faz da vida uma fantasia.

Eu queria que olhassem pro sertão
Com muito mais amor
E ajudassem esse povo
Tão humilde e lutador.

Sei que muita coisa já mudou
Mas o  retrato  não tem cor
Tem muita gente na miséria
Que ainda ninguem olhou.

O sertão é a rima
Que precisa se encontrar
Entre uma palavra e outra
Pra que possa melhorar.

Eu sei que a minha rima
Não contou tudo do sertão
Mais tenho orgulho imenso
Desse povo tão irmão.


Por: Francisco Sousa




quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Uma vontade de ser e aprender

Uma oportunidade de voltar ao tempo
Um silêncio na alma
Um aperto no peito
Um excesso de zelo
E um pouco de calma.

Uma história feita e revelada
Dois pontos em comum
Um erro fatal
Um sentimento imortal.

Uma palavra fora do padrão culto
Um barulho, uma confusão
Uma esperança, uma vontade
São pequenos passos da vida
Alguns de verdade, outros uma ilusão.

Uma vontade louca, uma memória curta
Uma melódia incansável
Uma carta fora
Um erro do ontem, permanece agora.

Uma intensidade, uma suspiração
As folhas secas do quintal
O mar, as ondas, o pescador e o anzol
Um refúgio na alma com o brilho do sol.

Uma admiração, um orgulho
O crescimento depois de várias fases
As mudanças no pensamento e no coração
Um novo verbo conjugado
Uma nova cor, uma nova paixão.

Uma mentira, uma decepção
Um erro fora do comum
Uma traição sem fundamento
Muitas coisas, apenas de momento.

Uma liberdade de inovar, de criar, de voar
Uma explicação do nada
Colocar palavras e pronto
Um giro no mundo e ninguém ficou tonto.

Uma luz que dilata as pupilas
Abre os caminhos do mundo
Uma estrela na terra
Como entender tanta guerra.

Uma escrita que ninguém entende
A caligrafia, o rascunho e a rasura
Nem o que é mais perfeito, tem perfeição
Só mesmo as dádivas de Deus
A obra da criação.

Uma cura para dor
A alegria, o riso da bobagem
Fugir da rotina triste
E seguir a vida sem medo
E com muita coragem...


Por: Francisco Sousa

domingo, 28 de novembro de 2010

As folhas da vida


A vida é um jogo de aprendizado, a cada lance podemos ter grandes surpresas.O final do jogo  ninguém escolhe, somos vencedores ou perdedores, melhores ou piores, vilões ou mocinhos.
Na verdade todo passo certo ou errado nos leva á um caminho.Uma das poucas coisas que temos certeza é que todas as folhas de uma árvore independente de sua beleza, um dia secam e caem.

É assim na vida, ninguém sabe até onde vai o caminho, nem quando as folhas podem cair.Somos movidos por incertezas, sonhos, desejos, não temos sabedoria suficiente para decifrar alguns enigmas.A sabedoria  vai sendo adquirida ao longo da vida com as experiências que encontramos, com amigos que fazemos, com os amores que descobrimos, com os erros e as decepções que nos amarguram.

A nossa história vai sendo moldada através do que aprendemos. Muito embora se saiba que as dificuldades são bem maiores que os momentos felizes.É justamente nesse sentido que o tempo faz questão de ensinar a diferenciar as lágrimas dos sorrisos, os amigos do inimigos,os amores das paixões, a verdade da falsidade, a claridade da escuridão.Então percebe-se que não vale  ser vencedor, mocinho ou melhor, se não tem essência na alma.

Poucas são as pessoas que encontram a essência no meio ou no final do caminho. Também são poucas as que valorizam o que se tem, antes que se perca.Isso porque mesmo com os ensinamentos da vida, costumam não olhar para a realidade.O melhor não é esperar uma perda, uma porta fechada, um erro. O melhor é abrir os olhos, valorizar as folhas, trilhar o caminho, e não plantar orgulho.Um belo dia o jogo da vida chega ao fim.


Por:Francisco Sousa



sábado, 27 de novembro de 2010

Muito pouco

Quando eu sorri, você não viu a alegria
Quando eu olhei, você não viu a verdade
Quando eu lutei, você não viu a vitória
Quando eu enfrentei, você não viu a batalha
Quando eu te amei, você não viu o amor.

Quando a noite chegou, você não estava comigo
Quando senti frio, você não me aqueceu
Quando eu me senti sozinho, você não viu o vazio
Quando a decepção veio, você me procurou.

Então descobri que você foi a minha ilusão, meu fracasso,minha mentira
E que  apenas depois me amava
Depois de todo sofrimento que havia passado
Descobri que você era muito pouco
Tão pouco, que era muito menos do que me faltava.


Por:Francisco Sousa

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Um ponto final

Foto:Google imagens

Não pensei que fosse assim
Que o tempo iria mudar
Que a história teria fim
E que você não iria me amar.

Não pensei que o inverno
Fosse diferente do verão
E que nas noites frias
Eu ficaria na solidão.

Não entendi porque acabou
Se eu errei bastante
Você também errou.

Posso não ter feito o seus sonhos reais
Mas não fui apenas o desejo
Eu te amei do meu jeito
Eu viajei no seu beijo.

Eu sei que as promessas e juras
Ficaram para trás
Posso ainda te amar
Mas não vou voltar atrás.

Eu tenho medo de sofrer muito mais
O tempo tem me ensinado
Por isso prefiro ficar sozinho
Do que continuar enganado.

Algumas coisas tem preço
Algumas coisas tem fim
Talvez eu não fosse tudo pra você
E você nem fosse tudo pra mim.

Foi bem melhor não continuar as mentiras
Fingir que tudo é conto
Foi bem melhor sofrer agora
Colocando na história um ponto.

Talvez eu não te esqueça de uma vez
Mesmo depois de tudo que me fez
Talvez  você não foi tudo que pensei
É bem melhor sermos ex.


Por: Francisco Sousa

sábado, 30 de outubro de 2010

Mentiras e Mentiras

Mentiras que transportaram em um verdadeiro paraíso
Toda a falta de sentimento  que depois se descobre.

Não vale magoar tanto alguém
E  colocar sonhos e planos no mar
Não vale entrar em um jogo, onde ninguém vai ganhar.

Usar os outros, apenas por desejo
Colocar mentiras misturadas ao coração
É o mesmo que rabiscar o papel
E escrever  tudo em vão.


É um engano fatal
Querer apenas por momento
Prometer continuar a história
Fingir que existe sentimento.

As palavras confundem muito
As ações fazem acreditar
Ninguém percebe quando está encantado
Mas o engano não permanece, nem sempre dar pra disfarçar.

As mentiras são fáceis de formular
E parecem dificéis de descobrir
Mais a verdade sempre chega
Não importa se tarde ou cedo
Não importa sem causam dor ou medo.

Mentiras nos sufocam 
E quando vem a verdade
É bem mais doloroso
Não importa se é uma amizade ou um caso amoroso.




Por:Francisco Sousa

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Refletir e recomeçar...


Parei por alguns instantes e percebi que na vida  é sempre bom recomeçar
Parar pra refletir
Apagar o desnecessário
E adicionar o essencial.

Percebi que nem sempre pensamos o correto
Que nem todas as pessoas se afastam de nós porque querem..
Que existem motivos diferentes
Que as pessoas que permanecem em nossas vidas,
estão presentes por algum motivo especial..
Que o acaso de conhecer não é o mesmo de permanecer.

Que se algo não aconteceu agora, é porque não era pra ser
ou ficará pra depois.

Que não importa as dores que passamos, mas as alegrias que vivemos.
Que não importa a quantidade de passos, o importante é o inicio do percurso.
Que erros sempre existirão, mas que muitos irão servir  de aprendizado.

Que saudade é algo que muitas vezes não cabe no peito, mas que é a certeza
de que algo valeu a pena, ou que alguem valeu a pena .
Que o amor não se explica, se sente.
E que a cada dia devemos aprender sempre
E buscar forças para recomeços
Pois cada dia é único
E não vale a pena parar.....
O caminho é longo, mas se pararmos por muito tempo..
Ele poderá ser curto demais.

Por: Francisco Sousa

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Te amar foi um erro

Foto: Google imagens

Erros imperdoáveis
Erros por decisões
Primeiros erros
Conflitos, traições.

Se te amar foi um erro?

Eu errei do principio ao fim
Errei quando te olhei
Errei quando te quiz
Quando desejei te fazer feliz.

Se te amar foi um erro?
Errei quando falei
Errei quando escrevi
Errei quando te ouvi.

Se te amar foi um erro?
Errei quando te aceitei
Errei quando me envolvi
Errei quando senti.

Se te amar foi um erro?
Errei cada segundo
Errei por te oferecer
Todo o amor  do mundo.


Por: Francisco Sousa

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Os encontros e desencontros

Um dia eu encontrei você
E descobri toda  a maravilha de viver
Te envolvi em meus braços
Esqueci o cansaço
Pra te satisfazer.


Eu me dediquei por inteiro
Talvez não deu pra perceber
Te dei o amor verdadeiro
Fiz de tudo pra te vê.

Um dia eu lutei contra tudo e todos
Fiz o nosso amor valer
Passei horas escrevendo versos
E prometi não te esquecer.

Eu fiz de sua vida, a minha vida
Talvez você não compreendeu
Te fiz feliz em cada momento
E depois você  me esqueceu.


Um dia pensei que a dor era eterna
E que eu não suportaria
Que minha vida estava sem sentido
E que sem você não viveria.

Eu lamentei cada segundo de saudade
E depois você voltou a minha vida
Reencontrei de novo a felicidade
Mas depois da chegada
Veio a partida.

Um dia o tempo me ensinou
E aos pouco tudo perdeu o valor
Te reencontrei de novo
Mas esqueci o que passou.

Eu virei o placar do jogo
Hoje sou o seu desejo
A vida dar muitas voltas
E não quero provar o seu beijo.


Por: Francisco Sousa

sábado, 11 de setembro de 2010

Encontro do meu ser

Ver esse mar encantado
Na imensidão do perdido
É me sentir engrandecido
Depois de ter me encontrado.

É o mesmo que ter sonhado
Descobrindo o sentido
Do que um dia foi vivido
E que no mar ficou guardado.

Vou ao encontro do rio com o mar
Depois de afogar minha dor
Vou deslumbrando a mensagem e a paisagem.

Vou no meu barco navegar
Quero olhar o sol, quero um amor
Um calor, essa nova imagem
A minha coragem.


Por: Francisco Sousa

Independência ou morte?


Dia 7 de Setembro, o ano de 1822, ás margens do Ipiranga, D.Pedro declara a independência do Brasil.
Um movimento que não houve nenhuma participação popular, não mudou a ordem politica, econômica e muito menos social do país.
O movimento foi de exclusividade das elites que não queriam perder vantagens e que estavam ameaçadas com as ideias da metrópole de recolonização.
Passado exatos 188 anos, o grito de "independência ou morte" é a marca de um Brasil que ainda sofre e que apesar de algumas conquistas está mais para dependente do que independente.
A palavra independência está bem longe de ser o destaque do episódios ocorridos no cenário nacional.Afinal assistimos cada vez mais a morte do nosso sistema de governo, dos nossos serviços públicos, dos nossos desejos, dos nossos jovens, dos nossos olhares.
É lamentável, mas a realidade é quase a mesma, existe muito mais interesses dos homens poderosos sendo realizados, do que da nossa população em geral.


Por: Francisco Sousa

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Projeto e- jovem

  Uma das experiências mais bacanas em minha vida é o projeto  e-jovem, no mesmo tenho aprendido muito mais que conteúdos.Tenho descoberto um lado mais humano.

O e-Jovem é um projeto cuja a proposta visa integrar a Educação Profissional as diferentes modalidades da educação e as dimensões do trabalho, da ciência e da tecnologia, oferecendo informação complementar em Tecnologia da Informação (TI) para jovens concluintes do 3º ano e egressos do Ensino Médio, da rede pública estadual.


Leia abaixo o cordel  que descreve um pouco dessa minha experiência como aluno do projeto .




 
Vou falar de um projeto
Que tem muito a nos ensinar.
É o projeto e-jovem
Do estado do Ceará.

Visando melhorias
Garantindo transformação
Capacitando jovens
Em tecnologia da Informação.

Aqui em Camocim
O projeto de instalou
Numa escola maravilhosa
De grandioso valor.

O estudo é a distância
Mas apresenta seriedade
E nós como alunos
Muita responsabilidade.

A informática é o foco
Tamanha é a inovação
No e-jovem revisamos conteúdos
E melhoramos como cidadão.

São aulas de matemática
Raciocínio Lógico e Português
E para mais conhecimentos
Temos aulas de inglês.

E não é só isso não
Tem outra disciplina genial
Onde criamos projetos
Para o bem estar social.

Nós do turno da manhã
Temos grande satisfação
Com o nosso projeto RECRIARTE
Buscamos transformação.

RECRIARTE visa à melhoria
Para preservar a paisagem
Utilizando materiais
Em oficinas de reciclagem.

Nas oficinas mulheres aprendem
Reciclando e inovando
E nós usando o lema:
Meio ambiente preservando.

E é com nosso projeto
Que muita coisa está mudando
Quem aprende a reciclar
Sua vida está transformando.

Além das oficinas
Também temos nossa ação
Que trabalha com crianças
Brincadeiras na educação.

Hoje o empreendedorismo
Para nós é algo demais
Trabalhamos sempre unidos
Por algo que satisfaz.

O importante é ajudar
É poder ver a mudança
Que vai transformar
A vida do adulto e da criança.

Não é a toa que o e-jovem
É conhecido em Camocim
Pois causa impactos
Bons para você e para mim.

Com orgulho por ser aluno
Concluo esse pequeno cordel
E para o e-jovem Camocim
Com satisfação eu  tiro o chapéu.



Francisco Sousa
Aluno e-jovem
Manhã
Camocim/CE

sexta-feira, 30 de julho de 2010

O amor é ...

 
Para você que está apaixonado, ou que deseja compreender a importância das pessoas em sua vida, indico os filmes abaixo:



 Agora confira esse texto  de minha autoria e pense um pouco, quem sabe você encontra o sentido que faltava.



 O conjunto de um todo


O amor é uma reunião de sentimentos
É uma oportunidade de ser feliz a cada instante
São gestos, abraços, beijos
São carinhos, conselhos, olhares.

O amor é ...
 O resumo de todas as coisas que o ser humano tem de melhor
É a fórmula mágica que faz viajar, que faz sonhar
É a procura  do encontro
É a junção de duas almas em uma só
É a perfeição da imperfeição.

O amor é a música que possui a melodia do coração
É a explicação que não tem palavras exatas
É o minuto que vale horas
É a novela que revela cada dia um novo mistério da alma..


O amor é ...
uma verdade...
  E  o que é verdade, nem mesmo a morte é capaz de destruir.

O amor é não se importar com o que pode acontecer amanhã
Amar é viver o hoje, se dedicar por completo ao agora.

O amor é a oportunidade de fazer alguém feliz..
É a oportunidade de ser feliz..

Não importa se não vai ser por muito tempo
Não importa se algo vai fazer sofrer depois
O que importa no amor, é que você pode fazer alguém encontrar o ceú pelo menos por alguns minutos
Que você pode fazer alguém se sentir especial, se sentir amado.


O amor  é o fascínio
É a oportunidade do hoje
É o querer, é o ser
É te aceitar da forma como você é
É te entender
É a dedicação, é a dedicatória
É a gloria, é a vitória

O amor é tudo aquilo que faz seu coração se sentir feliz
É isso, é o amor
O conjunto de um todo.


Por: Francisco Sousa





segunda-feira, 26 de julho de 2010

A Grande Hora




 A Grande Hora

Chegou a grande hora
É tempo de eleição
Cuidados com alguns candidatos
E a praga da corrupção.


Agora é só discurso
Promessas de modernização
Mais depois da vitória
Muitos esquecem da ação.

Se não esquecem de agir
Pelo menos tentam fingir
Que criam grandes projetos
Para o país evoluir.

Mais cadê a evolução?
Debaixo de tanta mentira
É viagens ao exterior, é muita diversão
Que só nos causam muita ira.

Na campanha é ilusório
As melhorias pro cidadão
Mais depois tudo é esquecido
E eles não lembram de nada mais não.

E o barulho nem se fala
A paródia é uma beleza
Enquanto você ouve a música
Eles pensam na riqueza.

É dificil acreditar
E ter uma nova visão
Se diante dos nossos olhos
Só vemos destruição.


Em vez de destruir
Deviam destribuir
Melhorando na saúde e educação
Pra não ter tanta humilhação pra assitir.

Pois assistimos os desrespeito
São filas de doentes pra todos lados
Que não recebem atendimento
E ainda ficam calados.

Na educação é desigualdade
Ainda temos grandes problemas
Falta de transporte, falta de seriedade
E outras porções de dilemas.

E a politica perde o sentido
Se só vemos personagens
Que mostram o rosto agora
E depois não mostram em imagens.

Imagens escondidas
Que viram manchetes de jornais
Pegando um dinheiro
Que não vemos jamais.

Não vemos em investimento
Não vemos em melhoria
Só vemos as injustiças
E o povo sem alegria.


Por isso muita atenção
Analise com sabedoria
Não vote só por beleza
Por dinheiro ou simpatia.

Estamos com a decisão nas mãos
E podemos fazer a diferença
Elegendo com seriedade
Dando uma contribuição imensa.

É um passo grandioso
O voto é cidadania
Que nasceu de uma grande luta
Pela democracia.



Por: Francisco Sousa

sábado, 10 de julho de 2010

Liberdade entre asas

Quero criar asas
Quero a liberdade
Ser livre, ser eu.

Quero voar, voar, e ir longe
Ficar perto das nuvens
Olhar o azul e o branco.

Me libertar das grades
Tirar as correntes
Encontrar a estação das flores
Sentir a brisa do mar
Observar o pôr do sol.

Quero a paz da alma, do espírito
Quero levitar em segundos
Encontrar a calma do mundo.

Quero ser leve
Sentir o doce do mel
Já senti o amargo da vida
E preciso levitar no meu ceú.

A liberdade é o lema
É isso que preciso
Amanhã é um novo dia
E em um novo chão eu ainda piso.

Quero pisar em um novo rumo
Vê a luz que vai me iluminar
Mais não quero deixar de voar
Para encontrar meu paraíso.

Vou fugir
Vou voar bem alto
Quero me encontrar
Quero me libertar.

Nada de me prender ao passado
Nada de permanecer nos erros
Nada de ficar calado
Nada de ficar com medo.

As asas estão abertas
E estou pronto para seguir
Encontrando na verdade
O meu motivo pra existir.


Por: Francisco Sousa

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Reflexos na alma


Me olhei no espelho e o reflexo era algo diferente, eu não encontrava mais o garoto que tinha muitos medos, muitas ideias mirabolantes, que teimava em ser peter pan, que conversava com o mickey, que subia nas árvores.
Encontrei um outro garoto que agora não tinha tempo para brincar de ser motorista, pois se brincasse perderia um segundo. Mais como entender que um dia eu pensei em ser adulto e hoje queria mesmo ser criança? Ninguém entende, mas o tempo ensina. As respostas para isso são as responsabilidades.
Quando a gente cresce parece que vai ser muito fácil. Que vamos ter grandes vantagens, pois poderemos ir aos agitos que sempre sonhamos. Só que acabamos enganados, ser adulto não é apenas isso. Ser adulto é um pouco mais, é ter responsabilidades, é buscar soluções para a nossa vida.
As coisas acabam passando rapidinho, ficamos estressados, sem ânimo, preocupados. Isso não quer dizer que ser adulto é ruim, pois tudo tem seu lado positivo, mas quando a gente tem vinte e poucos anos não dar para brincar de esconde esconde, porque se desse seria muito fácil fugir de algumas situações desagradáveis.
Parece que pesa mais ter que trabalhar, se profissionalizar, estudar muito pro seminário na faculdade, ficar parado em um engarrafamento, ouvir a namorada falando que está com ciúmes das colegas de trabalho. Na verdade pesa mais mesmo ter de ficar cercado por tudo isso, e ainda não morar próximo da família, perto da mãe pra colocar a cabeça no colo e se sentir o "predileto".
E quanto mais o tempo passa, as coisas vão mudando em nossa vida. Quando me olho no espelho novamente já noto algumas rugas perto dos olhos e até os primeiros cabelos brancos. Não é exagero, já tenho alguns, já tenho trinta e  dois  anos e  mais coisas para resolver.
Nessa correria a gente nem percebe, só os outros percebem. E se antes aos vinte e poucos anos, ainda curtia algumas festinhas e uns passeios no final de semana. Agora é quase que uma raridade, isso porque agora a esposa reclama que devo ficar mais próximo dos filhos. Se pudesse ficaria muito mais tempo, criança é uma maravilha, só incomoda ás vezes a bagunça, ter que trocar fralda e quando choram quase que sem parar.
Como se não bastasse ainda tem uma porção de coisas para organizar na escola.Ser diretor não é fácil, mais é gratificante trabalhar numa área em que você gosta.Eu poderia ter cursado medicina, direito, psicologia, mais isso nunca foi a minha praia. Preferi a educação e arrisquei também em ciências da computação. Acabo em uma correria entre um trabalho e outro, mais quer saber a verdade? É o maior barato.
Se olho mais adiante a vida passa mesmo. Aos cinquenta, a gente não é como aos dezoito. Àquela barriga tanquinho desaparece aos poucos, os cabelos ficam cada vez mais brancos, mas em compensação a sabedoria é muito maior. Temos a vantagem de olhar o quanto conquistamos materialmente e espiritualmente, só assim nos sentimos renovados, é uma sensação maravilhosa. Também o estoque de histórias vividas são bem maiores, damos risadas das nossas fases, descobrimos que temos mesmo que agradecer, a vida é mesmo uma dádiva.

Por: Francisco Sousa

Amigos


 Foto:Cintia Lima

Ter amigos verdadeiros é descobrir um pedaço do ceú na terra. Amigos são frutos de escolhas, de confiança, de respeito, de amor. Com eles vivemos as partes importantes de nossas vidas, e quando um amigo vai embora, vai com ele um pouco de nós.
Parece que a gente é metade um do outro, e fica difícil separar algo que faz parte da nossa vida. O tempo acaba pregando muitas peças e nem sempre podemos compartilhar da mesma forma as nossas emoções e frustrações com algumas pessoas.
Com o passar dos anos vamos aprendendo a lidar com certas situações. Aprendemos que muitas pessoas entram em nossas vidas, marcam, dividem momentos, mas que elas tem que seguir seu rumo. Até mesmo os amigos "inseparáveis", um dia acabam se distanciando mesmo que não queiram.
É doloroso saber que existe partida, mas o bom dos amigos é que eles marcam de alguma forma as nossas páginas. Por isso mesmo, cada momento é uma recordação profunda que não tem como apagar do nosso livro.
Não sabemos se poderemos nos reencontrar novamente, mais temos a esperança de "um dia" pelo menos conversamos um pouco sobre "os bons tempos". Se nem isso restar, fica a imaginação para pensarmos como está agora aquela pessoa que contamos sobre os nossos primeiros desafios, os primeiros romances, as discussões de casa, com quem jogamos futebol no campinho ou com quem choramos falando das nossas decepções.
A única certeza de uma amizade, é que se ela é verdadeira, não importa se existe a partida ou o tempo, o que importa é que permanece viva pelo menos em boas lembranças.

Por: Francisco Sousa

terça-feira, 29 de junho de 2010

Camocim: Muitas histórias e encantos

Quem não se encanta por uma cidade tão bela quanto Camocim?
Não é á toa que o município é reconhecido de norte a sul. Muito além das belezas, Camocim tem muita história.

Confira algumas fotos do passado e em seguida uma poesia!





Camocim
Uma verdadeira poesia


Meu encanto infinito
Minha pérola do Ceará
Queria ser um dia um peixe
Para em teu mar me abrigar

Não tem como viver um instante
Sem deixar de me apaixonar por ti
Se olho pra tanta beleza
Sei que a felicidade é aqui


Tem dias que meu peito aperta
E sinto uma imensa alegria
Em ti descubro o conforto
E encontro sabedoria

Teu nome tem um som
Que traz calma pra mim
É uma sintonia perfeita
Minha terra Camocim

É um vento que traz paz
Um sol que ilumina e irradia
É uma pintura real
Uma verdadeira poesia

É um sonho sem fim
Uma paisagem deslumbrante
É uma preciosidade
Vale mais que diamante


É uma história contada
Pelo povo a cada dia
Que está guardada nas ruas
Formando um conto de magia


Por: Francisco Sousa

Mudou meu mundo


Sentimento profundo invadiu o mundo
Foi inexplicável, difícil de entender
Algo profundo
Ninguém consegue compreender


Não sei como fui me apaixonar
Sem ao menos te conhecer
Quando olhei em teus olhos
Descobri o amor em você


Pensei que fosse sonho
Só que foi realidade
Descobri uma nova vida em segundos
Tamanha foi minha felicidade


Não quero acordar se for sonho
Não quero dormir se for realidade
Só quero que esse invasor
Me deixe viver tudo com intensidade

Não quero que acabe
Sei que é único cada momento
É preciso viver um pouco mais
Antes que vire esquecimento.


Por: Francisco Sousa

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Pensando no futuro

O que será o amanhã? Como será o amanhã? O que serei amanhã?

Sinto que muitos jovens ainda ficam sufocados em imaginarem o futuro. Tudo isso porque muitos de nós não colocamos em prática hoje, o que poderá fazer parte do amanhã. Esse dilema acaba se estendendo e quando nos damos conta o futuro já tem começado.
Podemos até tentar fugir das responsabilidades, mas vai chegar um ponto que não tem como fugir. E então o que fazer? Chorar?reclamar? fingir que o tempo não passou? Nenhuma das alternativas estão corretas, a resposta certa atende por um nome: Coragem.
A coragem é o pontapé para iniciarmos o caminho que pode ser estreito ou largo.
Isso mesmo, a vida é feita de caminhos e tudo vai depender de muitas coisas, mas principalmente de você mesmo. E se você é alguém que tem muito medo ou se deixa levar pela corrupção do mundo, os tropeços acabam sendo bem maiores. Mais quer um conselho? Não desiste não, não se entrega aos vícios, as farras, a hipocrisia, ao preconceito, ao desrespeito. Vai lá e luta, faz diferente, coloca no papel e desenha o seu futuro.
Não podemos continuar o que os outros já fizeram de errado. O futuro começa hoje, e é um pouco responsabilidade de cada um de nós. Temos que construir uma ponte de um amanhã seguro, tranquilo, cheio de amor, cheio de paz, cheio de atuação. Onde cada um possa enxergar o outro e ajudar de alguma forma, onde os jovens de hoje, possam ser o exemplo amanhã.
Na verdade ainda me preocupa muito os caminhos que muitos jovens buscam por medo de enfrentarem a realidade.É doloroso vê que alguns, em vez de se espelharem em gerações que pintaram a cara, que resistiram a opressão, acabam preferindo seguir caminhos absurdos ou cruzam os braços.
Precisamos abrir os olhos e olhar o mundo de um jeito diferente. Não podemos ser o problema, temos que ser a solução. Não podemos pensar que escondendo o rosto vamos ser vitoriosos, que fechando a boca, vamos ser felizes.Ainda há esperança, ainda há caminho, faz hoje e amanhã seremos o espelho de um futuro melhor.


Por: Francisco Sousa

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Pequenos detalhes


O tempo costuma ser algo indiscutível em relação as coisas que a vida proporciona
Os passos que damos nem sempre costumam ter segurança.

Nos iludimos bastante
Encontramos verdades, em ilusões.

Amamos, nos encantamos
Com pessoas que muitas vezes são passageiras
E como ondas do mar, vamos e voltamos em ondas perigosas, leves e  suaves.

E assim vamos caminhando
Esquecendo as reflexões
E  indo além.

Mas o tempo nos ensina
E costuma ser o resultado
Do que e de quem vale a pena.

Por: Francisco Sousa